menu_zoo Outros Vermes Répteis Protozoários Primatas Poriferos Peixes Moluscos Miriápodes mamífeors Insetos Felinos Fauna Brasil Equinodermos Crustáceos Celenterados Aves Aracnídeos Anfíbios Ameaçados Acrânios


ALCON

Google
 

Bicho-da-seda

NOME COMUM: Bicho-da-seda
NOME EM INGLÊS: silkworm
NOME CIENTÍFICO: Bombyx mori
REINO: Animália
FILO: Arthropoda
CLASSE: Insecta
SUPERORDEM: Amphiesmenoptera
ORDEM: Lepidóptera
SUBORDEM: Glossata
SUPERFAMÍLIA: Bombycoidea
FAMÍLIA: Bombycidae
GÊNERO: Bombyx
ALIMENTAÇÃO: O bicho-da-seda alimenta-se exclusivamente de folhas de Amoreira ao longo de toda a sua fase de vida larvar.
DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA: De acordo com a distribuição geográfica, o bicho-da-seda é identificado como de origem Japonesa, Chinesa, Europeia ou Indiana.

O bicho-da-seda é a larva de uma espécie de mariposa (Bombyx mori) usada na produção de fios de seda. Este insecto é nativo do Norte da China mas encontra-se actualmente distribuído por todo o mundo em quintas de produção de seda, denominada sericicultura.

O bicho-da-seda quando nasce tem apenas cerca de 2,5 mm de comprimento. Durante 42 dias ele como sem parar, sofre quatro metamorfoses - ovos, lagartas, pupa e adulto - e tem seu peso original aumentado em 10.000 vezes. O bicho-da-seda é uma largata, a larva de uma borboleta, e come grandes quantidades de folhas até chegar a 5 cm de comprimento. Nesta época, procura um cantinho tranqüilo e começa a tecer seu casulo. O casulo branco-amarelado brilhante é feito de um único fio com muitos metros de comprimento. O bicho-de-seda fia a seda ao redor do seu corpo desenvolvendo movimentos geométricos em formato de oito, até que todo o seu líquido seja usado . Depois de 3 dias de fiação atingindo entre 700 e 1,200 mil metros de fio, o casulo está completo. A lagarta converte-se em pupa, e se for mantida viva, transforma-se em mariposa em aproximadamente 10 a 12 dias, e o ciclo de vida termina com o rompimento do casulo e quebra do longo fio de seda em muitos fios curtos.

Seus ovos, durante a incubação, devem ficar numa temperatura entre 20 a 23ºC. Algumas borboletas fêmeas chegam a incubar dezenas de milhares de ovos em 15 dias.

Para se ter uma idéia, a partir de 30 gramas de ovos, saem aproximadamente 40.000 bichos, que devoram em oito semanas, 350 quilos de folhas.

Ciclo de vida

Ovo: 10-14 dias
Larva: 27 dias

  • 1ª estádio larval
  • 2ª estádio larval
  • 3ª estádio larval
  • 4ª estádio larval
  • 5ª estádio larval

Crisálida: 14 dias
Adulto: 7 dias

História da Seda

Existem muitas lendas em torno da seda, uma delas é de que foi descoberta, por acaso, por uma rainha chinesa. Quando tomava chá embaixo de uma amoreira, nos arredores do seu palácio, um casulo caiu dentro de sua xícara de chá fervendo e soltou um fio. Assim, estava descoberta a seda. Na cultura chinesa, a imperatriz Hsi Ling Shi é venerada como deusa da seda. Ela teria inventado o tear utilizado na produção de seda. No Império Romano, o tecido era muito apreciado valendo seu peso em ouro.

A indústria da seda existe na china há mais de 5 mil anos e foi mantida em segredo durante muito tempo. Segundo a história, os ovos do bicho-da-seda foram levados para a Europa no inicio da era cristã, por dois monges. Através dos anos, os criadores (sericultores) selecionaram as melhores espécies de bichos-da-seda.

No Brasil, a seda foi introduzida no século XIX durante o reinado de dom Pedro I, no município de Itaguaí, no Rio de Janeiro. Ali, foi instalada a primeira indústria de seda nacional, a Imperial Companhia Seropédica Fluminense.

.

Lúcia Helena Salvetti De Cicco
Diretora de Conteúdo e Editora Chefe

Versão para imprimir

CONDIÇÕES DE USO DE IMAGENS E TEXTOS


Copyright®1997/2011 - Comercial De Cicco. Todos os direitos reservados. Qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação deste conteúdo é expressamente proibida, estando sujeito o infrator às sanções legais cabíveis, de acordo com a lei 9610/98. Política de Privacidade e Segurança




Sa�de Vida On line


Entre para a família Saúde Animal e personalize sua navegação.