linha


linha


Entre para a família Saúde Animal.

linha

Entre e faça uma homenagem ao seu amigo.


CONDIÇÕES DE USO DE NOSSAS IMAGENS E TEXTOS

ALCON

Google
 
Logo Cães

A Compra de um Filhote

Depois de decidir a raça de eleição, precisaremos nos preparar para realizar uma boa aquisição.
Boa aquisição é aquela que irá nos satisfazer durante, aproximadamente, os próximos 10 anos.
A melhor maneira de decidir, com precisão, é formular perguntas apropriadas, uma espécie de "check-list."

Qual a finalidade?

É uma pergunta que quase ninguém se faz antes de efetuar uma compra:
a) Cão de Serviço?
Para responder a esta pergunta teremos que examinar nossa consciência e saber se ele deverá conviver com a família ou sua função será tão somente a de serviço.
b) Cão de Guarda e Companhia?
Nesse caso a escolha deverá ser mais rigorosa quanto ao temperamento.
c) Para Guarda Pessoal ou Territorial?
A escolha deverá recair no macho, para guarda territorial e a fêmea ficará com a responsabilidade da guarda pessoal por ser mais ciumenta que o macho.
d) Para Criação e Exposição?
Neste caso a preocupação maior deverá ser quanto à linha de sangue e as qualidades que o exemplar poderá oferecer à sua prole.

Macho ou Fêmea?

Em todas as raças, o macho, quando adulto, é mais rústico, pesado, duro e menos dado à brincadeiras enquanto que a fêmea é mais dócil, meiga, ciumenta e altruísta.

O que devemos verificar na compra de um filhote:

A aquisição de um padrão da raça escolhida é de importância primordial. Ele descreve como deve ser a raça.
1) SE TEM PEDIGREE
O pedigree, na compra de um cachorro, corresponde ao "certificado de garantia" quando você compra um eletrodoméstico. É a garantia de qualidade e encarece o preço na compra em cerca de R$ 30,00 reais.

2) FALTAS MUITO GRAVES OU DESQUALIFICANTES
(dependendo de cada raça)

a) Olhos claros (muito claros) - confira com o padrão da raça a importância desta falta.
b) Nos machos, falta de testículos
c) Prognatismo - confira com o padrão da raça. No bóxer, por exemplo, é uma qualidade.
d) Manchas na trufa - confira com o padrão da raça. No dogue alemão arlequim, não é falta.
e) Manchas no peito e nas patas - confira com o padrão da raça. Algumas raças permitem e em outras, como no cão bernês das montanhas, é qualidade.
e) Timidez e medo de barulho.
f) Cegueira ou surdez.

3) FALTAS GRAVES

a) Manchas brancas confira com o padrão da raça. Algumas raças permitem e em outras, como no cão bernês das montanhas, é qualidade.
b) Mal desenvolvimento: magros, raquíticos, tristes.
c) Filhote que não deita com as pernas para trás: provavelmente já está se iniciando um processo de má formação das articulações coxofemorais.
d) Ergôs (unha de lobo) sem amputar: confira com o padrão da raça. Algumas raças permitem e em outras, como no pastor de brie, é qualidade.

4) REQUINTES - procure fazer uma checagem e adquirir filhotes que:

a) tenham bom temperamento: alegre e líder. Observe seu relacionamento com o dono do canil. Observe seu relacionamento com os outros filhotes. Escolha um brincalhão. Faça algum barulho como bater palmas fortes. Não escolha os medrosos.
b) tenham boa movimentação: observe o filhote andando de preferência sem correr. Confira se ele somente se movimenta com as patas posteriores juntas ou se também as movimenta tocando o solo alternadamente. Os que alternam tem mais chance de excelente movimentação, quando adultos.
c) tenham bom desenvolvimento ósseo: observe o diâmetro do carpo e metacarpo bem desenvolvido.
f) estejam gozando de boa saúde: limpos de vermes - observe se o ventre apresenta erupções do tipo brotoeja ou se apresenta pequenas pústulas tipo acne; observe se os olhos apresentam algum corrimento. Observe se a conjuntiva está corada ou pálida.

SEM DIARRÉIA - espere um pouco conversando com o proprietário do canil e observe as fezes do filhote que você escolheu; o filhote com diarréia está com boas chances de contrair a parvovirose.

BOM APETITE - nunca compre um filhote sem apetite.

CAUDA E ERGÔS - por ocasião da compra os ferimentos da amputação dos ergôs (se tiverem) e do corte da cauda (confira com o padrão da raça: há raças que exigem a amputação dos ergôs e da cauda e outras não) deverão estar completamente cicatrizados.

Um filhote saudável é alegre, brincalhão e tem um apetite insaciável e depois que come, faz seu xixi e seu cocozinho, dorme feito um paxá.

Bruno Tausz
Cinófilo e Etólogo - Rio de Janeiro - RJ

Versão para imprimir



Copyright®1997/2014 - Comercial De Cicco. Todos os direitos reservados. Qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação deste conteúdo é expressamente proibida, estando sujeito o infrator às sanções legais cabíveis, de acordo com a lei 9610/98. Política de Privacidade e Segurança



Anuncio160x240


Saúde Vida On line