Entre para a família Saúde.



Entre e faça uma homenagem ao seu amigo.




ALCON

Google
 

Papagaios
Saiba mais sobre eles

"Você é responsável pela saúde e bem-estar da sua ave. Trate-a com carinho e responsabilidade."

Dúvidas mais frequentes sobre Papagaios

Papagaio - dúvidas na alimentação

P: - Gostaria, atraves de sua revista, tirar umas dúvidas com o Dr. Zalmir Cubas, a respeito da alimentação de Papagaios. Em minha região, Cotia, o número de pessoas que possuem aves ornamentais em casa é inacreditável. Consequentemente, o seu atendimento em minha clínica é também muito grande. Tenho feito diversos cursos sobre manejo e cuidados destas aves e, em todos eles é dito para oferecermos grãos variados e crus. Nos foi ensinado a deixarmos a mistura de grãos de molho (como se faz para cozinhar feijão) e fornecer após algumas horas. No artigo do Dr. Zalmir é dito para cozinharmos os grãos e tostarmos a soja no forno. Seria possível sabermos o por quê ? - Marilia

R: - Marília, O cozimento ou tostagem da soja aumenta o valor alimentício do alimento, pois torna a proteína melhor aproveitada pelas as aves; destrói substâncias que inibem as enzimas tripsina e eripsina, as quais são necessárias na digestão das proteínas. Existe na soja crua outra substância denominada soijina, que interfere na absorção de aminoácidos sulfurados e no metabolismo da vitamina A. Porém, o cozimento excessivo ou torração prejudicam o valor nutritivo dos alimentos. Alguns criadores deixam sementes de molho para amolecimento. Nós preferimos o cozimento rápido (20 a 30 minutos) para melhorar a digestão e absorção dos nutrientes, amolecer as sementes (pois as trituramos em um moedor de carne e se estiverem duras, quebram a máquina), para melhor misturá-las, evitando que as aves selecionem sementes preferidas e para melhorar a palatibilidade dos grãos (sementes cruas tem menor palatibilidade). - Dr. Zalmir Silvino Cubas

Dúvidas na Alimentação II

P: -Gostaria de parabenizar o excelente site Saúde animal, e aproveito para fazer uma pergunta sobre alimentação de papagaios, gostaria de saber se café faz mal para a saúde deles, pois tenho um papagaio que fica incontrolável até comer pão com margarina molhado no café, que seu antigo dono dava diariamente. Hoje tento dar uma alimentação saudável, porém, ele não dispensa seu pão com café. Ieda

R: -Ieda, Pão molhado no café não vai causar intoxicação na sua ave, mas também não é o alimento que se espera que papagaios comam. Realmente, alguns papagaios acostumados com pão e café adoram esse alimento, também porquê é um momento de interação com o dono e apreciam muito a atenção e carinho dispensada pelo dono. Se puder retirar aos poucos esse alimento, melhor. A marganina sim não deve ser dada. Muito provavelmente esse papagaio está recebendo uma dieta altamente calórica, a base de girassol e amendoim, que já são alimentos ricos em gordura. A mudança de hábitos alimentares é algo que pode levar meses e deve ser gradual e contínua. Existem atualmente rações balanceadas no mercado do tipo farelada. A Alcon (www.labcon.com.br) tem rações próprias para psitacídeos e de boa qualidade. Se preferir alimentos "in natura", a dieta deve incluir cereais: trigo, aveia, corn flakes, pão de fibras e outros; legumes: feijão, grão-de-bico, lentilha, ervilha cozidas por 20 a 30 minutos; verduras: cenoura, brócolis, couve-flor, etc,; sementes: girassol, amendoim (3 a 5 grãos por dia); cálcio: osso de ciba; proteina animal: queijo minas (2 a 3 vezes por semana), carne de frango cozida com osso (um pequeno pedaço uma vez por semana); frutas (em moderada quantidade), frutas secas, etc.; e suplemento vitamínico-mineral. Fazer o balanceamento desses alimentos é algo difícil e normalmente as aves comem apenas o que gostam. O melhor é um alimento pronto e balanceado. Zalmir Silvino Cubas

Cio do Papagaio

P: -Prezados senhores, Procurei o assunto neste site e não encontrei, se por acaso existe,desculpem-me não ter sabido procurar corretamente. Gostaria de saber como é o processo do cio nos papagaios em cativeiro.Temos um em casa e não sabemos se é macho ou fêmea ou se está no cio ( nem o veterinário que levamos). Êle/ela tem 6 anos e desde o início do ano que dá uns chiliques, fica chocando uns brinquedos (quando parecidos com ovo) e quando está em nosso colo abre as perninhas e fica fazendo um barulho como se fosse um coito nessas horas,às vêzes, sai um líquido transparente do ânus. Dura quanto tempo? Temos que achar um companheiro(a)? Como saber se é êle ou ela? Lourdes

R: -Lourdes, A sexagem de papagaios é feita por DNA, através da coleta de uma gota de sangue. O Laboratório CEPAV (ver site) em São Paulo faz a sexagem por esse método. Outra maneira é por laparoscopia, que requer anestesia geral e veterinário especialista. Não existe outro método confiável. Os papagaios não apresentam cio. No período reprodutivo, que pode ir de setembro a janeiro, ficam mais disponíveis para a reprodução, mas não apresentam cio como as cadelas. Esse comportamento de abrir as pernas para carinho não significa comportamento sexual, mas solicitação de carinho e atenção. Eventualmente, algumas aves podem até mesmo apresentar comportamento de masturbação. É sempre recomendável manter animais em casais. Zalmir Silvino Cubas

Como Identificar o Macho

P: -NAO ENCONTREI NENHUMA INFORMAÇÃO A RESPEITO, POR ISSO, GOSTARIA DE SABER:- SE, SÓ O PAPAGAIO MACHO QUE FALA? COMO IDENTIFICAR O MACHO? Luis

R: -Luis Roberto, Não. Não é só o papagaio macho que "fala". Existem variações entre espécies e indivíduos. Depende da habilidade de cada papagaio e da maneira que é treinado. Para saber se é macho ou fêmea, é feito exame de DNA. Outra técnica é por laparoscopia, que requer anestesia geral. Zalmir Silvino Cubas

Comunicação dos Papagaios

P: - Eu estou ajudando meu irmão num trabalho de escola, e tem uma questão que eu não encontrei uma resposta , se for possivel me auxiliar .
A pergunta é : Por que certos aminais demotam aptidão para imitar a linguagem do homem?-
Isaac

R: -
Caro Isaac, Alguns animais desenvolveram a capacidade de imitar sons diferentes dos seus repertórios naturais. Um exemplo clássico é o papagaio, que pode imitar vozes humanas e sons de outros animais, instrumentos e ruídos. Portanto, não são apenas sons produzidos pelo homem. Um papagaio pode imitar um cachorro, um gato ou o ruído de uma porta. Em cativeiro essa capacidade se acentua, pois as aves perdem o comportamento natural e pela convivência com o homem, passam a produzir sons comuns a sua volta. Em cativeiro, não precisam se preocupar com procura de alimento e fuga de predadores, assim, os animais ficam com todo o tempo disponível para prestar atenção nas coisas que acontecem à sua volta. O som nas aves é produzido por uma estrutura situada no final da traquéia e começo dos brônquios, denominada siringe. Portanto, não se trata de usar a língua para produzir sons, mas sim um orgão próprio para o canto e vocalização. Outras espécies de aves, como por exemplo gralhas e mainás podem também imitar sons humanos. O cérebro das aves imitadoras são capazes de memorizar esses sons e reproduzí-los fielmente. Então, não é qualquer ave que é dotada dessa capacidade cerebral. Sabe-se que as aves do grupo dos papagaios (os Psittacidàs) apresentam inteligência superior a outras aves, o que lhes confere essa habilidade de imitar sons. Resumindo, o que permite aos animais imitar palavras é a capacidade cerebral associada a estrutura anatomica de vocalização.
Dr· Zalmir Silvino Cubas

Corte das Asas do Papagaio

P: -A primeira vez que devemos cortar a ou as asas, para que o papagaio não voe, deve ser com quanto tempo de vida da ave? De quanto em quanto tempo devemos repetir o corte? Como deve ser feito o corte das penas? Leitor

R: -O corte das penas da asa tem a finalidade de evitar que a ave voe, abandonando seu ambiente doméstico ou que entre em situações de risco, como por exemplo, voe para a casa do vizinho e seja ferido ou morto por um cão. A idade de cortar é quando estiver com as penas crescidas e com plena capacidade ao vôo. Corta-se apenas as penas de uma das asas e da seguinte maneira. De modo simplificado, as penas maiores da metade da asa para a ponta são chamadas de remiges primárias. As penas longas da metade da asa até o corpo são as remiges secundárias. São essas penas que são cortadas: todas as remiges secundárias e parte das remiges primárias, deixando apenas em torno de 4 a 5 penas intactas na ponta da asa. Essas penas servem para proteger a ponta da asa no caso de queda e atrito contra o solo e também equilibram vôos curtos, evitando quedas tipo "parafuso". A ave precisará de algum tempo para se acostumar com a idéia de que não pode voar. Nesse período, evitar colocá-la em local alto e cuidar com o tipo de piso; se cair, que seja em grama, terra ou areia, para amortecer a queda e que não se machuque. À medida que as penas crescem, devem ser cortadas periodicamente; isso é feito normalmente 2 a 3 vezes ao ano, conforme a necessidade. Dr. Zalmir Silvino Cubas

Dúvidas sobre criação

P: -Boa tarde! Eu estou lhe escrevendo para tirar algumas dúvidas. Eu tenho dois papagaios um de 20 dias mais ou menos e outro de 1 ano. O que eu devo dar para o filhote? E como eu devo alimentar o mais velho? Sendo que ele só quer comer as sementes, café e biscoito. Qual o tipo de alimentação posso dar a eles? Um veterinário me falou para dar ao filhote milharina, só que o papo dele está duro, e eu estou assustado. Como eu faço para saber o sexo do papagaio? Renato

R: -Renato, O cuidado a filhotes de papagaios requer dedicação, higiene e cuidados especiais. Teria muita coisa a considerar, vou enumerar as principais: - Os filhotes precisam de dieta balanceada. Em SP e RJ você talvez encontre ração importada para filhotes de papagaios em casas especializadas. A Alcon (www.labcon.com.br) produz uma ração para papagaios adultos (Psitta Stick), que se dissolvida, pode ser usada para filhotes como papa, acrescida de mais proteína, tipo ovo cozido. Essa mesma empresa está trabalhando na formulação de uma dieta pronta para filhotes. Na falta da ração pronta para uso, será necessário improvisar. Pode usar como alimento base o Neston, acrescido de ovo cozido, vitaminas, aminoácidos (Aminomix, Glicopan) e cálcio. Suplementos nutricionais para uso humano podem ser adicionados, para tornar o alimento mais forte. Note, que as quantidades precisariam ser calculadas para se saber a quanto fornecer exatamente. Isso não sendo possível por um especialista, forneça aleatóriamente. - O alimento é mais aguado nos primeiros dias de vida, depois adquire a consistência de yogurte. - O alimento deve ser fornecido morno, mas não quente, pois queimaria o papo. - O filhote precisa ser mantido aquecido. - O alimento é fornecido com uma colherzinha ou sonda diretamente no papo. - O filhote deve ser mantido hidratado. Precisa de água constantemente e deve ser dado alimento a cada 3 ou 4 horas, após o papo esvaziar. - Se o papo não está esvaziando (está duro), é que o filhote está desidratado, está sendo mantido em temperatura ambiente inadequada, está com infecção no papo ou apresenta outros problemas. - Sementes, café e biscoito não é alimento para papagaio. Nesse regime, sua ave não viverá muito tempo. Um papagaio, mantido de forma saudável, pode viver até 40 anos. - Nesse site tem informações sobre alimentação de papagaios. Existe ração própria para papagaios à venda nos supermercados. Além daquela ração, é necessário fornecer frutas, verduras, cereais, feijão branco + ervilha + grão-de-bico + lentilha cozidos por 20 a 30 minutos. A ave precisa se adaptar a essa dieta saudável. Se deixá-lo à vontade, passa a vida somente no girassol. - O sexo pode ser determinado por exame de DNA, que pode custar em torno de R$ 150 ou mais. Zalmir S. Cubas

Doença de Olhos

P: -Tenho um papagaio de aproximadamente treze anos. Apareceu uma doença no seu olho esquerdo vindo a inflama-lo. Comecei a passar uma pomada teramicina mas piorou pois ele sentindo incomodado, começou a coçar com o pé atingindo o olho, vindo a inflamar mais ainda. Leveio-o ao veterinário e ele receitou um colírio por nome de Maxitrol para ser usado duas vezes ao dia aplicando duas gotas. Gostaria de saber o nome desta doença e saber se o medicamento que estou utilizando é o correto. Leitor

R: -Prezado colega, O colírio recomendado apresenta antibióticos e cortisona, que deverão controlar a infecção, reduzir a dor, irritação ou coceira local. Se a ave continuar esfregando a patinha no olho, o quadro tende a agravar. Pode ser necessário o uso de colar elizabetano. Se não houver melhora, pode ser necessário trocar o colírio por uma pomada oftálmica, que apresenta ação mais prolongada. Informe seu veterinário se não estiver havendo melhora. Sua ave deve ter apresentado conjuntivite ou ceratite (inflamação da córnea). Isso pode ser decorrente de trauma, irritação, fumaça de cigarro ou de causa infecciosa (bactéria, Mycoplasma, Chlamydia, vírus). O diagnóstico do agente causador requer exames específicos, tais como sorologia ou microbiologia, que podem ser caros e nem sempre esclarecedores. Normalmente opta-se por tratamento sintomático e acompanha-se a evolução do quadro. Por isso, você deve sempre informar seu veterinário se está havendo melhora ou piora. Ele decidirá por mudanças ou insistência no tratamento proposto. Zalmir Silvino Cubas

Fungos do Girassol

P: -Descobri que a semente de girassol desenvolve em si uns fungos que causam um infecção no hamster e em outras aves também. Muitos veterinários especializados em animais silvestres garantem que isso é verdade e eu já perdi um papagaio e um hamster assim. Vc acha que o girassol realmente possui estes fungos? Ivana

R: -Prezada Ivana: A presença de fungos em grãos indica sérios problemas no processo de obtenção do produto. O correto manejo das culturas, um rigoroso controle de qualidade em todas as etapas do processo são fundamentais e devem ser criteriosamente monitorados pelos órgãos públicos do setor saúde, agricultura e abastecimento e defesa do consumidor. Os problemas causados por fungos desta natureza são graves e podem levar a morte. Procurar produtos de firmas idôneas, consultar(acionar) a Vigilância Sanitária e o Procon sobre produtos duvidosos são medidas indicadas. Roberto Quintão

Legalização - Polícia Federal

P: -Queria saber se tem condição de conseguir uma legalização junto ao IBAMA e retirar um papagaio da polícia florestal . Visitei a polícia florestal de Juiz de Fora - MG e vi muitos papagaios q não tem condição de ter a liberdade pois foram criados em condições precárias por pessoas de má fé . Não quero adquirir um animal ilegal nessas feiras pois acho errado . Apenas queria dar um destino certo e bom para os papagaios q estão lá . Tenho um cítio , crio calopsita e seria uma forma de proteger a espécie . Mandei um e-mail para o IBAMA mas está demorando muito . Gostaria de um esclarecimento. Thiago

R: -Caro Thiago, Não há como você retirar um animal da Polícia Florestal para assumir sua guarda, pois não existem mecanismos legais para tal, até porque os animais que estão em poder da Polícia Florestal são objeto de apreensão. A Polícia Florestal, após a apreensão dos animais, normalmente os conduz a Centros de Triagem ou Zoológicos para destinar os animais apreendidos. Se você pretende fazer algo pelos psitacídeos, poderia montar um criadouro científico em sua propriedade, apesar de toda a burocracia que isso representa. Parabéns por não comprar animais em feiras clandestinas!! Luiz Roberto - Biólogo

Queda de penas

P: -Boa tarde, gostaria de saber, sobre queda de pena somente no pescoço do papagaio,como é em um local específico, o que pode estar acontecendo? Ele come muitas frutas e grande variedade de grãos cozidos, vive solto o dia todo. Elaine

R: -Elaine, Se tiver outra ave junto, uma pode estar arrancando as penas da outra. Pode estar com coceira e destruindo as penas quando se coça com as patas. Pode haver ectoparasitas, alergia ou outro agente etiológico. Procure um veterinário na sua região especializado em aves. Zalmir Silvino Cubas

Papagaio comendo fezes

P: -Boa noite! Meu nome é Ricardo e já faz algum tempo que venho acompanhando esta revista, pois é nela que consigo sanar muitas dúvidas, pois bem vamos a uma delas: recebendo sempre um carinho muito especial, venho observando que nos últimos dias ele esta comendo suas próprias fezes, comportamento este que até então não acontecia. Gostaria de saber se este comportamento é normal, ou se é alguma manifestação de algum problema de saúde, se for, o que é? , e o que devo fazer. Muito obrigado pela atenção. Ricardo

R: -Ricardo, Não é normal que papagaios comam fezes. É preciso encaminhá-lo a um veterinário de aves para um check-up. Pode ser alimentação não balanceada, endoparasitas, estresse ou outro fator. Zalmir Silvino Cubas

Papagaio com problemas respiratórios

P: - Tenho um Papagaio e estou percebendo que nos últimos dias ele esta tendo reações muito estranhas, essas reações acontecem umas 4 veses ao dia ou mais, ele começa a mexer a cabeça para frente e para trás dando a impressão de estar engasgado eu tento olhar dentro da boca dele e vejo um negócio branco, essa reação piora ele fica parecendo que esta louco fica se mexendo estica os pés e faz uma respiração forçada, ontem deu esse ataque nele e ele também deu uns 8 espirros seguidos, por favor me respondam. - Stelvio

R: - Prezado Stelvio, Seu papagaio parece estar muito mal! Sem realizar exame físico e laboratorial não é possível fazer um diagnóstico. Os sinais clínicos relatados podem ser comuns a muitas doenças, porém me chamou a atenção o "négócio branco" encontrado na boca da ave. Possivelmente trata-se de uma infecção por Candida albicans, conhecida popularmente como sapinho.

Trata-se de uma levedura (fungo), que é oportunista, ou seja, ataca animais jovens ou com baixa imunidade. Em papagaios a Candida provoca a formação de placas esbranquiçadas na cavidade oral e crostas nos cantos (comissura) do bico. A candidíase afeta todo o aparelho digestivo das aves, mas tem por preferência o papo, causando o acúmulo de alimento e fermentação. Sua ave deve estar com a imunidade baixa e possivelmente apresenta doença respiratória (rinite, bronquite, aerosaculite ou pneumonia). As doenças respiratórias são causadas por bactérias, fungos, mycoplasma e vírus principalmente. Os espirros e respiração forçada sugerem doença respiratória. Possivelmente sua ave está magra e isso você pode saber apalpando a musculatura do peito. Se estiver magra, você vai perceber o osso esterno saliente. Essa magreza é conhecida popularmente por "facão no peito". É urgente que você leve sua ave a um veterinário para exame físico e diagnóstico. Se for candidíase, o tratamento deve ser iniciado imediatamente e a doença respiratória tem que ser tratada com antibiótico adequado, sendo os mais usados a enrofloxacina, gentamicina, amoxicilina-ácido clavulânico, trimetoprima-sulfa e outros. Os antibióticos podem ser dados por via injetável, oral e por nebulização. Não tente fazer o tratamento sem prescrição médico-veterinária. Nos estados avançados de infecções e imunodepressão, não há tempo a perder com tentativas. Pode ser necessário ainda tratamento de suporte. A deficiência de vitamina A é uma causa comum de doença respiratória e formação de placas na cavidade oral. É preciso fornecer também uma dieta equilibrada a sua ave. Acredito que ela não esteja recebendo dieta balanceada. A nutrição de aves é algo complexo para discutir em poucas linhas. A grosso modo posso dizer que seu papagaio deve receber em quantidades adequadas proteina animal e vegetal, fornecidas em legumes semi-cozidos (feijão branco, lentilha, ervilha, grão-de-bico; proteína animal: ovo cozido, ração de cães, queijo tipo frescal, queijo tipo danoninho, uma vez ou outra um pedaço de pescoço de frango cozido ou osso da coxa de frango cozido, que é excelente fonte de proteína, cálcio e ferro. Seu papagaio deve receber fibras e vitaminas, fornecidos pelas verduras tipo brócolis, couve-flor, cenoura, broto de aveia, frutas: banana, maçã, mamão, goiaba, uvas, melancia e outras. O milho na espiga ou milho cozido fornece carboidratos (energia). Os cereais: trigo, aveia, cereais tipo Kellogs fornecem vitaminas e carboidratos, sendo portanto, necessários na dieta dos papagaios. E finalmente as sementes oleaginosas, ou seja, que fornecem gorduras devem ser fornecidas em quantidade moderada: semente de girassol, amendoim de excelente qualidade (sem mofo e sem casca), nozes, côco. Se precisar, pode ser fornecido suplemente de vitaminas, minerais e minoácidos, adicionados a papinhas de frutas com Neston. Não discutimos aqui a quantidade de cada item, mas o que foi dito aqui já é um início para você. Procure auxílio veterinário em sua região e sucesso no tratamento. - Dr. Zalmir Silvino Cubas

Papagaio com Problemas Respiratórios - Espirros

P: -De alguns dias para cá ele começou a espirrar, principalmente no horário da manhã, se apresenta um pouco rouco. Auscutei o seu peito e nào apresenta nenhum chiado, porém apresenta corisa, uma secreção clara que sai dos seus olhos quando espirra. Quanto ao apetite está normal, come mistura para papagaio, ração de cachorro, ovo cozido, verduras, alguns legumes. Estou procedendo uma inalação apenas com água, pelo menos duas vezes por dia, mas mesmo assim, continua apresentando espirros. Gostaria de saber como devo proceder nesse caso. Daniela

R: -Daniela, As doenças respiratórias em papagaios são comuns. Estão relacionadas a diversos fatores, dentre os quais mudanças bruscas de temperatura, alimentação não balanceada, alimentos de má qualidade, baixa imunidade e outros. Pode haver desde coriza até pneumonia e aerosaculite. As infecções do trato aéreo inferior são mais graves e requerem pronto diagnóstico. Os agentes são diversos e incluem Mycoplasma, Chlamydia, bactérias gram-negativas, fungos e vírus. A deficiência de vitamina A favorece o aparecimento das DR em aves. É preciso diagnosticar o problema inicialmente, sabendo que tipo de infecção existe e possível agente. Exames de citologia, radiologia e endoscopia ajudam. Os sinais clínicos também são importantes. Não é produtivo medicar sem antes ter um diagnóstico. Sugiro entrar em contato com um veterinário especialista em aves, talvez na própria Escola Veterinária. Pode se tornar um caso didático. Zalmir Silvino Cubas

Pele - "Bolhas D´água"

P: -Boa tarde Dr., venho por meio desta solicitar informações sobre um papagaio, ele e pequeno, esta sendo aliemntado com neston e frutas, mas surgiu em seu corpinas algumas bolhas como se fossem agua, nas perninhas, asas, no pescocinho, mas nao e o "papo"dele. Isto pode ser alguma contaminação por algum fungo ou bacteria? Qual o problema que esta reacao representa? E outra pergunta é o que deve ser dado para evitar a queda de penas em papagaios? Elaine

R: -Prezada Elaine, para problemas relativo a pele ou penas,é um tanto difícil dar orientações sem ver o animal, a melhor coisa a fazer é procurar um especialista o quanto antes para um tratamento adequado e uma conseqüente orientação de manejo e alimentação. Tânia Negreiros

Plumagem Cinza e Pele

P: Tenho um papagaio de 8 anos, o McGayver. Suas penas verdes têm caído e ficado uma plumagem cinza, às vezes até aparece a pele. A alimentação dele é: ração (aquela misturada com amendoim, milho e uns grãos que não sei o nome; giló; maçã; bastão de cereais com mel. Espero que vocês possam me orientar. Carla

R: Carla, Acredito que seu papagaio está arrancando as penas e as penas cinzas que ficam são plumagens que ficam sob as penas verdes. A síndrome de arrancamento de pena é complexa e tem várias causas: parasitária, infecciosa, nutricional, hormonal, alérgica e psicológica. Existem viroses (circovirus e poliomavirus), que podem causar perda de penas e deformação das penas em crescimento, mas estas viroses são raramente descritas nos nossos papagaios, ocorrendo mais frequentemente em psitacídeos exóticos. Sim, a correção da dieta é uma das primeiras medidas a ser adotada. Também é necessário um exame físico e microscópico das penas (inclusive no canhão) para ver se não existe ectoparasitas, que causam coceira. Em outras ocasiões já comentei sobre a dieta de Psittacideos em cativeiro, sendo possível encontrar estes textos na Saúde Animal na seção Consulte o Veterinário. A fumaça de cigarro pode ser também um fator desencadeador dessa síndrome. A possibilidade de fatores alérgicos estarem envolvidos na síndrome do arrancamento de penas também tem sido pesquisado em outros países. Algumas aves em cativeiro podem apresentar desvio de comportamento, passando a arrancar suas próprias penas. Isso pode estar ligado ao estresse, medo, solidão, nervosismo, tédio, frustração e outros sentimentos. Uma vez iniciado, esse comportamento torna-se um vício, sendo difícil a cura. Tenho observado essa síndrome menos frequentemente em papagaios, mais em araras e periquitos. Sugiro levar sua ave a um veterinário especialista. Dr Zalmir Silvino Cubas

Problemas com Alimentação

P: -Quando o papagaio não consegue se alimentar devido ao bico ter crescido muito qual medida deve ser tomada e o que fazer para que este problema não volte a acontecer? Enio

R: -Prezado Enio, quando o bico do papagaio cresce muito, pode ser por mal oclusão do bico superior com o inferior, por problema na articulação temporo-mandibular, luxação dessa articulação. Diagnosticado o problema, deve-se cortar a ponta do bico que estiver aumentado e corrigir o problema para que não aconteça novamente. Logicamente isto deve ser feito por profissional veterinário especializado em aves. Tânia Negreiros.

Papagaio - infertilidade nos ovos

P: - Gostaria de saber porque meus dois casais de Papagaio ecletus põem ovos, chocam, mas estes se revelam inférteis, os viveiros são bons a alimentação com seed mix seco, uvas e milho verde. Tenho também um casal de tragopam temink, em que todos os ovos foram inférteis. - Anônimo

R: - Os ovos são inférteis pois a fêmea não foi "galada". O macho pode ser imaturo ou pode não haver compatibilidade entre o casal. Ela pode fazer várias posturas de ovos sem gala. Para não deixá-la no ninho, os ovos devem ser tirados após uma semana, se você fizer a ovoscopia e verificar que não existe a formação de embrião. -
Dr. Zalmir Silvino Cubas

Papagaio - Legalidade

P: - Localizei no quintal de minha casa um papagaio caído bem machucado, me parece que ele bateu em algumas paredes ou levou tombos, sua asa parecia estar cortada ele não conseguia voar muito alto, acredito que ele fugiu de algum vizinho, levei então o mesmo num veterinário amigo e ele tratou do papagaio que está se recuperando. O que devo fazer agora!?, posso ficar com ele em casa!?, consigo uma licença, o que fazer!?. gostaria muito de ficar
com ele...Desde já agradeço. - Martins

R: - Martins, A posse de animais silvestres não é permitida. Quem decide sobre esse assunto é o Ibama. Ultimamente o Ibama não tem fornecido autorização de posse de aves silvestres. A recomendação é de que já tem uma ave, que cuide bem dela, mas não adquira mais aves. O certo é conversar com o setor de fauna do seu Estado. - Dr. Zalmir Silvino Cubas-

Mancha no olho de Papagaio

P: - Meu papagaio apresentou uma mancha branca dentro do olho e noto que ele não está enchergando, já levei no veterinário e mediquei, mas continuo com medo dele ficar cego do outro olho, pois muitas pessoas já me disseram que os papagaios ficam cegos quando velhos, como não sei a idade dele estou muito preocupada, gostaria de saber se isso é verdadeiro e o que eu poderia fazer para isso não acontecer. - Anônimo

R: - É possível que sua ave tenha catarata unilateral. Na catarata ocorre a opacificação da lente. As causas são diversas e incluem malformação, fator genético, nutricional, trauma, intoxicação, idade e outras doenças oculares. A prevenção envolve alimentação adequada e tratamento eficaz e imediato de qualquer processo infeccioso-inflamatório nos olhos. A alimentação deve ser composta por frutas, cereais, milho, legumes (feijão, lentilha, grão-de-bico, ervilha um pouco cozidos), proteína de origem animal, tais como queijo branco, ovo cozido (2 ou 3 vezes por semana e um pequeno pedaço), um pouco de sementes oleosas, tipo girassol e amendoim (de boa qualidade), verduras. Mais informações sobre dieta de papagaios podem ser encontradas na página da Saúde Animal. -
Dr Zalmir Silvino Cubas

Nariz do papgaio sangrando

P: -Bom Dia ! também as vezes o nariz dele sangra. Gostaria de saber se >há algum remédio para isto. desde já agradeço. Sérgio

R: -Sérgio, Parece que seu papagaio está com uma grave doença respiratória, que pode incluir rinite, sinusite, traqueite, bronquite, pneumonia e aerosaculite. Conforme o agente causador da doença, adota-se tratamento específico. As infecções causadas por fungos (principalmente aspergilose) são as mais difíceis de tratar. Pelo que disse, parece ser uma doença crônica (já existe há muito tempo) e há grande chance de haver uma infecção por fungos. Portanto, é recomendável levá-lo logo a um veterinário especializado para exame clínico e tratamento intensivo. Em estágios avançados, a cura das doenças respiratórias torna-se difícil. Pergunte ao seu veterinário qual a melhor dieta para papagaios. Existem bons veterinários de aves em São Paulo. Sucesso. Zalmir Silvino Cubas

Papagaio - Vacina

P:- Por favor, eu gostaria de saber se os papagaios tem que tomar alguma vacina e se os papagaios precisam ir no veterinário e se precisarem. De quanto em quanto tempo? Aguardo a resposta - Camila 

R: - Camila,Existem vacinas especificas para papagaios nos Estados Unidos, mas não no Brasil. Portanto, não há necessidade de vacinação. Contudo, é preciso levá-lo a um veterinário especializado para um check-up inicial. Ele deverá fazer um exame físico na sua ave, exames de fezes (parasitológico e coloração de gram), se tiver um laboratório capacitado na região, solicitar um exame de Chlamydia; o veterinário deve também recomendar uma dieta balanceada. Sendo sua ave saudável e bem cuidada, um exame anual ajuda a prevenir doenças. - Dr. Zalmir Silvino Cubas

Sindrome de Arrancamento de Penas

P: -Olá, tenho um papagaio há dez anos, recentemente surgiu uma pequena ferida sangrante no pescoço que depois foi piorando e o animalzinho começou a "se coçar" demais, aumentando a ferida. Levei-o ao veterinário que o medicou com cicatrizantes. Gostaria que vcs me esclarecessem mais a fundo sobre o que realmente pode ter causado tal quadro. Vale salientar que a alimentação da ave não era das melhores, já que além de comer sementes de girassol, frutas e verduras, também ingeria queijo, presunto e até ovo frito. Patrícia

R: -Patrícia, Essa ferida pode ter sido originária de um cisto folicular, que causou prurido (coceira) e a ave se auto-agrediu. Pode ser decorrente da síndrome de arrancamento de penas. Ainda, pode ser de origem traumática em superfícies cortantes ou perfurantes. É difícil determinar a causa agora. O importante é mantê-lo medicado e acompanhar a evolução do caso. Zalmir Silvino Cubas

Sono do Filhote de Papagaio

P: -Gostaria de saber se é comum um filhote de papagaio com mais ou menos de 60 dias dele ficar praticamente dormindo o dia inteiro. Esta sendo tomadas todas as preocupações com sua alimentação diária porem percebo que ele come pouco e dorme muito. Isto é comum para um filhote???? Junior

R: -Junior, Os filhotes descansam bastante quando filhotes, mas precisa ser investigado até que ponto isso é patológico. Se está excessivamente sonolento, pode ser sinal de doença. Outros sinais de doença em filhotes são perda ou redução do apetite, ausência de reflexo de ingestão de alimento (pede e engole com movimentos de cabeça), ausência de vocalização (fica muito quieto), pele enrugada (desidratação), peso abaixo do normal, perda de peso, diarréia, respiração irregular ou acelerada, membros deformados e outros sinais. A dieta para filhotes deve ser balanceada e adequada, caso contrário a ave estará sujeita a doenças. É recomendável levá-la a um veterinário especialista em aves para um exame físico. Zalmir Silvino Cubas

Papagaios - Tempo de Vida

P: - Conversando com amigos, surgiu a seguinte questão: Quantos anos vive um papagaio? Um amigo me respondeu 100 anos. Isso é verdade? Gostaria de saber qual o tempo de vida de um papagaio. Um abraço. -Rosana

R: - Rosana, A longevidade máxima de papagaios é de 80 anos, a longevidade média é de 15 anos em cativeiro. As araras podem viver até 50 anos, mas a média é de 15 anos. Baitacas, máximo 15 anos, média 5 anos. - Dr. Zalmir Silvino Cubas

Diferença entre filhotes de papagio e maritaca

P: - Como eu faço para diferenciar uma maritaca de um papagaio ainda pequenos (menos de um mês) OBRIGADA - FERNANDA

R: - Prezada Fernanda, O que está perguntando é realmente algo improvável de ser realizado por leigos, pois é uma tarefa bastante complexa inclusive para especialistas. À parte, existem 71 diferentes espécies de psitacídeos, o que complica em muito a tarefa. Você terá que esperar um pouco mais pelo desenvolvimento de seu animal até poder ter as primeiras pistas sobre a espécie. Se quiser me enviar fotos posso tentar ajudá-la. - Luiz Roberto Francisco,Biólogo

Ouvido Inchado

P: - Tenho um papagaio. Na verdade estou com ele a dois anos. e o coitadinho esta com o ouvido enxado.. gostaria de saber o posso fazer para ele ficar bom. acho que ele esta com alguma inframação... pois as penas do lado do ouvido estam levandadas e ele esta com uma bola.. tipo enxado.. Carolina

R: - Olá Carolina, esse tipo de inchaço pode realmente ser um processo
inflamatório, infeccioso ou ainda tumoral e deverá ser tratado urgentemente
por um médico especialista em aves. -
Professora Tânia Negreiros
Médica veterinária de aves e animais silvestres

Diarréia e penas arrepiadas

P: - Tenho este (a) papagaio (não sei dizer se é macho ou fêmea) há mais de dez anos sendo que quando a ganhei já era adulta. Sempre viveu bem e com saúde mas há cerca de uma semana, começou a diminuir sua alimentação,ficar quieta e ficar com as fêzes grudadas nas penas emgrande quantidade, além das penas meio "arrepiadas". O que poderia ser e quais as providências que eu deveria tomar já que veterinários especialistas em aves são difíceis de serem encontrados? - Adriana

R: - Adriana, Esses são sinais de diarréia e pode ter diversas causas: bacterianas,
viróticas, parasíticas, tóxicas, nutricionais, etc. Será necessário exame
físico da ave e pelo menos um exame de fezes para que seja feito o
diagnóstico e tratamento correto. Sua ave precisa ser hidratada
imediatamente. Procure o Dr. Adauto no Zoo de Sorocaba, ele poderá indicar
um veterinário especialista ou talvez possa atender sua ave numa clínica.- Zalmir S. Cubas - médico veterinário


Versão para imprimir

 


CONDIÇÕES DE USO DE IMAGENS E TEXTOS


Copyright®1997/2014 - Comercial De Cicco. Todos os direitos reservados. Qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação deste conteúdo é expressamente proibida, estando sujeito o infrator às sanções legais cabíveis, de acordo com a lei 9610/98. Política de Privacidade e Segurança.



Anuncio160x240


Saúde Vida On line