linha


linha


Entre para a família Saúde Animal.

linha

Entre e faça uma homenagem ao seu amigo.


CONDIÇÕES DE USO DE NOSSAS IMAGENS E TEXTOS

ALCON

Google
 

SHAR PEI


Origem:

A origem do Shar-Pei é incerta. Pode ser um descendente do Chow Chow, a quem assemelha-se pela "língua azul". É possível que tenha surgido inicialmente no Tibete ou no Norte da China há 20 séculos, sendo que os primeiros exemplares da raça eram bem maiores do que os atuais O tipo físico original do Shar-Pei foi se perdendo na própria China, a partir do final da década de 40. Foi o preço pago pelo mundo canino em conseqüência da Revolução Comunista no país, em 1949. Nessa época, a raça quase foi extinta. A posse de cães e outros animais de estimação virou um luxo proibido. Abriu-se uma exceção para os cães de camponeses que comprovadamente os usavam para caça. Os demais só poderiam ter o direito de existir se seus proprietários arcassem com multas altíssimas. Caso contrário, a sentença era a execução,cumprida pelos soldados de Mao Tse Tung. Os cães "não trabalhadores" do país viram alimento para o povo esfomeado

Característica:

  De aparência exótica e bastante singular, o Shar-Pei é um cão compacto, ágil e forte, caracterizado pela pele solta que forma pregas pelo corpo. Tem orelhas pequenas e retangulares, dobradas em direção aos olhos. Sua cauda é vertida em direção ao tronco e sua pelagem é curta e eriçada.

Parece estar sempre um pouco "triste", mas é um cachorro alegre e que se adapta bem à casa. Tranqüilo e leal, tem particular facilidade em se relacionar com as crianças.

  A principal característica física da raça – a abundância de rugas – foi recentemente alterada pelos chineses, mas quando filhote o Shar-Pei ainda é considerado o cão mais enrugado do mundo.

Essas características rugas do Shar-Pei requerem cuidadas especiais, já que entre suas dobras acumulam-se facilmente sujeira e umidade, podendo ocasionar seborréia, dermatite e micose, ocasionando eventuais feridas na pele (que podem evoluir para um câncer de pele) e mesmo mau cheiro.

Para evitar este quadro, a única recomendação segura é manter o cão sempre bem seco e limpo. De preferência após o banho o dono deve secá-lo com uma toalha e deixá-lo ao sol a fim de eliminar os resquícios de umidade

As rugas da cabeça podem também causar problemas de vista, especialmente se caem na frente dos olhos, pois acabam fazendo com que as pálpebras e cílios entrem nos olhos (entrópio), causando uma irritação que pode evoluir para lesões na córnea, levando à cegueira. Para evitar isso, recomenda-se que se dê 3 pontos nas pálpebras do cão ainda filhote a fim de que se formem "pregas" que impedem que as pálpebras caiam sobre os olhos. Esse procedimento só surte efeito quando o cão é filhote, pois a musculatura está em processo de desenvolvimento, o mesmo não cabendo para o cão adulto, com a musculatura desenvolvida. Neste caso, o único recurso é uma cirurgia definitiva, que retira parte de pálpebra. Assim, ao primeiro sinal de irritação nos olhos é conveniente procurar um veterinário para um diagnóstico preciso.

SER SHAR PEI É:

  • Aprender rapidamente os hábitos de higiene
  • Gostar de ficar deitado ao lado dos donos, na maior tranqüilidade.
  • Nada de grandes agitos e correrias.
  • Dar-se bem com pessoas estranhas
  • Nem sempre gostar de outros cães, herança das raças de luta
  • Viver bem em lugares grandes ou pequenos
  • Ser caseiro, de fácil adaptação
  • Não precisar de mais de 15 minutos de passeio por dia
  • Latir pouquíssimo
  • Gostar de crianças, ainda que canse logo e não agüente horas de folia
  • Chamar atenção onde quer que esteja
  • Conquistar corações com um jeito especialmente envolvente e cativante.

PADRÃO DA RAÇA

APARÊNCIA GERAL: forte e compacto. Shar-Pei significa "Pele de Areia". A pele deve ser flexível e áspera, enquanto a pelagem é curta e eriçada. Na sua infância, ostenta pesadas pregas por todo o corpo. No cão adulto, as pregas pronunciadas, ficam limitadas á cabeça e cernelha.

PROPORÇÕES IMPORTANTES: o comprimento do tronco, do esterno à nádega, é, aproximadamente, igual à altura na cernelha; as fêmeas podem ter o tronco, sutilmente, mais longo. O comprimento do focinho é, aproximadamente, igual ao do crânio.

COMPORTAMENTO - TEMPERAMENTO: ativo e ágil. Calmo, independente leal e afeiçoado às pessoas.

CABEÇA

REGIÃO CRANIANA: o crânio é arredondado e largo na base, mas achatado e largo na frente.

Stop: moderado.

PREGAS: as pregas da pele, na cabeça, devem ser profundas sem, entretanto, obstruir os olhos. A descrição chinesa da forma da cabeça é "Who Lo Tau", que significa, cabaça. Essas rugas fazem, na fronte, uma marca, que reporta ao Símbolo da Longevidade na China. Essa característica é essencial para a raça, porque, a Marca da Longevidade, aparece, apenas, em felinos, como os tigres e os leões. Em cães, apenas, nas raças do tipo mastife.

Cuidados:

Alimentação: Forneça ração de boa qualidade ao seu cão 2 vezes ao dia na quantidade indicada pelo fabricante. Comida caseira, gordura, farináceos e molhos são prejudiciais, por não conter o nível nutricional essencial que seu cão necessita, podendo causar também dermatite. Não esqueça de deixar a disposição água fresca à vontade.

Higiene:

O Shar-pei detesta chuva e sujeira, por isso não precisa muitos banhos. Quando necessário, escolha um dia quente para o banho. Utilize sabão de côco, enxugue bem as suas dobrinhas evitando assim, assaduras, dermatites e sarnas. Verifique sempre os ouvidos se estão bem secos, se ainda estiver molhado, seque com cotonetes com cuidado. Mantenha sempre as rugas limpas e secas. Oleosidade excessiva também pode causar dermatite.

Para manter os olhos limpos lave-os periodicamente com chá de camomila gelado. Se as pálpebras virarem para dentro (entrópio por excesso de rugas) é necessário cirurgia corretiva. Alguns criadores dão pontos nas pálpebras dos filhotes para minimizar o problema.

Acomodações:

Partindo da premissa que o seu cão é um novo membro da família escolha um bom lugar para ele ficar, dentro de casa. Confeccione uma caixa para servir de cama, coloque algum pano, tipo cobertor, no inverno o Shar-pei sente muito frio, não deixe o seu cão dormir em lugares úmidos ou com vento. O piso a onde o seu cão ficará maior tempo não deve ser liso como lajota, cerâmica, etc... De preferência use piso de cimento não muito áspero ou carpete, para não prejudicar o seu desenvolvimento.

Vacinação:

Vacine mensalmente seu cão até os 5 meses, vacinas estas que deverão ser administradas por um veterinário competente. Aos 6 meses não esqueça de vacinar contra Raiva. Revacinar anualmente.

De 3 a 4 dias antes de cada vacina, desvermine o seu cão Após as vacinas administre o vermífugo quando necessário. O seu cão não poderá entrar em contato com outros cães não vacinados até terminar todas as vacinas.As informações deste artigo foram fornecidas pelo

 

Canil Astaroth - propriedade de
Nilza e Jorge - Rio Grande do Sul - RS

Versão para imprimir


 



Copyright®1997/2014 - Comercial De Cicco. Todos os direitos reservados. Qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação deste conteúdo é expressamente proibida, estando sujeito o infrator às sanções legais cabíveis, de acordo com a lei 9610/98. Política de Privacidade e Segurança



Anuncio160x240


Saúde Vida On line